Loading…

THERAPIST ANA CRUZ

“O conhecimento de qualquer tipo causa uma mudança na consciência de onde é possível criar novas realidades." Deepak Chopra
seja bem-vindo

“Como lidar com a ex mulher do meu marido que faz de tudo para me provocar?”

D. mandou a seguinte pergunta: “nao sei mais o q fazer…paciencia ja nao estou tendo mais nem com meu marido… Como manter a classe e paciencia com uma mulher q faz de tudo para infernizar nossa vida só pq tem um filho com ele?”

mulher furiosa

Afirmo que infelizmente este é um comportamento muito comum, mulheres que não aceitam a separação e usam os filhos para atingir o ex e seu relacionamento atual.

D. querida, antes de mais nada é necessário que você faça um esforço e mude o seu campo de visão. Claro, é perfeitamente compreensível seu estado de nervos, no entanto, a situação exige que você seja “estratégica” só que para isso é preciso calma, equilíbrio e frieza.

Pelo visto, o que ela deseja é justamente incomodar e ao que parece, está conseguindo. Lembre-se: quanto mais força ela tiver, mais estará no controle de toda situação, inclusive da sua vida com seu marido. Aliás, falando nele, voê já parou para pensar o quão confortável pode estar para o seu marido? O ser humano já traz no seu pacote a famosa zona de conforto e, geralmente, homens inseguros, acomodados podem comparar, internamente, uma situação como a sua a uma disputa. E isso o mantém, de certa forma, em posição de grande contribuinte para que tudo permaneça como está. Converse seriamente com ele (ms numa boa, não perca a “elegância”, lembre-se que chilique nunca resolveu nada).

Preocupante também é a condição deste filho. Jogado de um lado para o outro, sem referência alguma de responsabilidades, valores, respeito, estrutura familiar… forte candidato a apresentar sérios problemas comportamentais. Talvez já esteja apresentando, mas quem realmente deveria se preocupar está muito ocupado com “outras coisas mais importantes”.

#pensenisso

Grande abraço,

Ana Cruz – psicanalista

#Se você também tem dúvidas ou gostaria apenas de um conselho, um caminho, me escreva! Mande um email para anacruz@anacruzoficial.com com seu nome, idade e a pergunta. Não se preocupe, seus dados não serão divulgados. Você terá sua resposta aqui no blog.

10 thoughts on ““Como lidar com a ex mulher do meu marido que faz de tudo para me provocar?”

  1. Oi Ana, tudo bem? Que bom que achei o seu blog, estou me sentindo muito frustrada ultimamente. Meu namorado era casado. Segundo ele, há 2 anos eles estão em crise e há uns 8 meses que ele dorme no sofá, a igreja intercedeu e visitou “o casal” nesses dois anos, afinal, ele tem 2 filhos juntos, mas ela foi firme na decisão de que nunca o amou. Por fim, ela o colocou pra fora (jogou as coisas dele pela janela/cena de filme rs) há uns 6 meses. Com o tempo e muitos desabafos, percebemos que estávamos apaixonados um pelo outro nos três pilares mais importantes para nós: cultural, espiritual e físico. Eu o animei a começar a faculdade, ele cortou o cabelo, mudou o jeito de se vestir, aprendeu a pilotar moto, foi promovido. Eu fui promovida e financiei um apartamento na planta, para morarmos daqui há 2 anos, com o quartinho das crianças ao lado para quando forem nos visitar. Porém, quando ela soube do nosso relacionamento, como era de se esperar no pior cenário, ela procurou ele de volta e ele então colocou um ponto final na relação dos dois e assumiu a decisão de continuarem separados. Um dia, ela me chamou pra conversar pelo whats, me agradeceu por ter tornado ele um homem melhor e mais disposto a vencer na vida, mas que o dever dele era ficar do lado dos filhos dele… Eu disse que havíamos terminado para que ele pudesse refletir sozinho o que queria para o futuro. Ele me procurou, pediu para voltarmos e eu aceitei, pois o amo e amo esse futuro que desenhamos para nós e que foi esperança e força nos momentos mais difíceis. Mas ela entrou no clichê da ex mulher abandonada… Ela não permite que ele veja os filhos, não aceita o dinheiro da pensão, mandou nudes pra ele, num dia pede chorando pra voltar, no outro liga agressiva dizendo que quer que ela morra e que vai destruir a imagem dele com as crianças, no outro diz que está muito doente e vai morrer, no outro que vai sair da cidade com as crianças, no outro que conheceu alguém melhor que ele, no outro diz que está orando e que vai esperá-lo perceber o erro que está cometendo… Enfim, ele tem que atender, pois pode ser algo com as crianças, ela começa bem a ligação, mas sempre acaba em discussão. Estamos frustrados com a situação, pois ele é calmo ao extremo e acaba assumindo uma posição passiva diante das crises dela e quem sofre são as crianças, sem recursos e privados de ver o pai. Gostaria de sentar e conversar com ela, num diálogo adulto, mas como ela já disse que não vai assinar o divórcio se a guarda for compartilhada (e não aceitaremos a unilateral), provavelmente vai tratar minha relação com ele como ilegítima. Enfim, ela assumiu o perfil de que pode fazer o que quiser, e que nós precisamos ser os sensatos. Afinal, ela tem o apoio da igreja, não para agir com essa inconstância toda, mas em ter prioridade ao decidir mudar e tê-lo de volta. Ele disse que me ama, todo dia, cada dia mais, somos extremamente carinhosos e parecidos um com o outro… somos.. felizes juntos. Mas para todos, a prioridade é dela. Realmente, decidi estar ao lado dele, mas não entendi ainda a melhor forma lidar com isso… Tem algum conselho para mim? rsrs… Abraço!

    1. Oi querida, tudo bem? A tua situação é muito mais comum do que pode imaginar. O primeiro passo é é aceitar a realidade, pois não conseguimos gerenciar nossas emoções diante de expectativas. O segundo passo é desenvolver inteligência emocional, porque no momento em que isto te abala de alguma forma é sinal de há certas vulnerabilidades em ti que precisam ser equilibradas. Entendo o quão difícil é se sentir sozinha em meio a esta batalha. Apenas amor não sustenta uma relação, é necessário outros ingredientes. Terei o maior prazer em te ajudar através do meu trabalho, marca um horário! Grande abraço.

  2. Oi, Ana , meu namorado qnd o conheci já estava sozinho, mas a ex vivia em situação confortável pq ele sempre os ajudou muito e até então nunca tinha visto ele assumir ninguém depois dela. tem 4 filhos com ela uma 25, uma 22, uma 20 e um rapaz de 17 anos. a 1 ano qnd ele me assumiu perante a família, ela não para de perturbar vive mandando msn de baixo calão, exclui minhas redes sociais pois era um verdadeiro barraco, vive pondo as filhas contra ele e ele diz q já não sabe mais o q fazer pois o ponto final já foi dado a tempos. eu ja estou no meu limite, e hj ela tenta nos colocar um contra o outro faz insinuações que ele da esperanças a ela de retorno, as filhas fazem cena, eu ja não sei mais o que falar sinceramente e não vejo ele agir com relação a nada ´, vive falando que não dorme e que não tem sossego, mas não vejo ele tomar nenhuma ação com relação a isso. minha vontade é de acabar com tudo mesmo amando e sabendo que ele me ama.

    1. Oi Carla! Entendo perfeitamente a tua situação. Primeiramente te sugiro não criar expectativas em relação ao teu namorado. E segundo, sugiro que reflita sore o que te fato deseja para tua vida. Porque apenas amor não é suficiente para sustentar uma relação. Bjs

  3. Oi a ex do meu marido fica pedindo beixos pra ele vai no serviço dele faz barraco depois se arrepende e começa a usar o filho altista de treze anos pra nós perturbar fica fazendo provocações para mim oque faço pra me livrar desse problema porque amo ele demais

  4. Olá, achei por acaso seu blog. Vamos lá, tenho um namorado, e a ex dele no qual eles tem um filho, esta infernizando nosso namoro. O filho veio morar com ele, e agora ela quer de volta e sugar tudo dele. E pra completar tá tentando me colocar contra ele, e ele refém demais e preocupado por me colocar nessa confusão resolveu terminar. Só que o amo demais. E ele chorou falando que me amava!

    1. Olá, sugiro fazer a seguinte reflexão: é amor ou dependência emocional? Quer reatar a relação por amor ou no fundo é birra e disputa de poder com a ex? Uma vez que ele decidiu terminar será que vale a pena retomar agora ou se for realmente amor vcs irão se acertar mais adiante quando as coisas se acalmarem? Pense nisso. Abraço.

  5. Adorei o texto, vivo em igual condição. A ex do meu marido utiliza os filhos sempre e por conta disso eu e ele estamos de mal a pior. Queria deixar ela de fora das nossas vidas, mas infelizmente não tem como. Conversando com uma amiga decidi não perder mais meu tempo aceitando as provocações dela, penso que enquanto ela for o centro das atenções não teremos felicidades alguma. Pode me ajudar a fazer isso? Como faço para não aceitar as provocações?

    1. Oi Erica! É uma situação bem difícil de se vivenciar, exige muita paciência e jogo de cintura. Concordo contigo, não perca o seu tempo, pois geralmente o ‘ex’ que é mal resolvido deseja desestruturar o outro de alguma forma. Respondendo a tua pergunta, o melhor caminho é ignorar, focar a sua energia no seu casamento. A melhor resposta é o silêncio. Grande abraço!

Deixe o seu comentário